Aprenda como fazer um ritual em 7 passos

como fazer um ritual

Para fazer um feitiço é preciso planejamento e organização. Se você deseja que algo seja mais ou menos provável de acontecer, aprenda neste artigo como fazer um ritual. Saiba que as magias criadas por você mesma, conforme suas crenças e conhecimentos, são muito mais poderosas!

Em um ritual de magia, a ideia principal é reunir o máximo de elementos que atraem o seu desejo em um só lugar, aumentando o nível de sincronicidade. Todas as correspondências, como velas, cores, incensos, tem o objetivo de criar um espaço unificado e harmonioso para deixar sua mente na mesma sintonia com a intenção do feitiço. Assim, o mais importante é que parece certo para você. Se não fizer sentido, não faça!

Comunicação com o inconsciente

Nossa mente é como um iceberg: a parte consciente é muito pequena em relação ao que está submerso, no nosso inconsciente.

Um dos conceitos básicos de como fazer um ritual é tentar promover alterações nos padrões mentais que alimentam e constroem a nossa realidade. Ao se comunicar com o inconsciente, você consegue alterar e atrair o que precisa.

Por isso que os especialistas dizem que o que está em cima está embaixo, aquilo que está fora é como o que está dentro, em uma correspondência análoga.

Levando essa máxima em consideração, também é muito importante que você esteja se sentindo bem e disposta ao realizar um ritual de magia. Você precisa estar fisicamente, mentalmente e emocionalmente equilibrada para que a sua energia trabalhe conforme a sua vontade.

Revelações do Tarot

Se você estiver deprimido ou desequilibrado, prefira não realizar nenhum feitiço. Se o fizer, correrá o risco de passar energias negativas para o que você deseja.

Abaixo, iremos te ensinar como fazer um ritual em apenas 7 passos.

Passos de como fazer um ritual

Passo 1 – objetivo do ritual

O primeiro passo para criar o seu próprio ritual de bruxaria é definir qual o objetivo que você quer atingir com ele. Quanto mais claro for a intenção da magia, mais fácil será escolher os elementos ideias para a sua finalidade.

Entre os rituais mais comuns estão os de proteção, para o amor, para sorte, para trabalho entre outros.

Passo 2 – escolha dos elementos e materiais

Após definir o seu objetivo com o ritual, o próximo passo é escolher os elementos e materiais que representam o desejo que você quer realizar.

Para isso, você pode pesquisar sobre o significado dos objetos e suas associações. Por exemplo, pimentas simbolizam o calor, ardência, fogo e paixão, assim como proteção. Se você é um escritor e quer iluminação você pode consagrar uma caneta.

As cores que serão usadas no ritual também são importantes já que cada uma tem seu significado e sua energia, além disso, atuam de forma diferente no nosso inconsciente.

As plantas e os incensos também são ótimos elementos. Para utilizá-los com sabedoria, você pode estudar Botânica Oculta.

Outro elemento forte nos rituais de magia são as palavras e os mantras. As palavras têm muito poder e os mantras ao serem repetidos trazem muitos benefícios.

Você também pode escolher uma entidade para te auxiliar no ritual. Pode ser um santo, um orixá, entre outros. Não importa a sua religião, se você tem fé em alguma entidade, não deixe de convocá-la.

Também é preciso definir o local onde o ritual será realizado. Pode ser no seu próprio quarto, no quintal, em uma floresta, numa casa abandonada. Escolha o lugar que mais tem a ver com o que você quer.

Passo 3 – definição dos movimentos que serão realizados pelos objetos

Agora que você já escolheu todos os elementos, objetos e símbolos que farão parte do seu ritual, chegou a hora de definir quais movimentos você irá realizar com eles.

Você pode definir movimentos que sejam similares ao que você deseja. Por exemplo, se você quer subir na carreira, em seu ritual, o movimento executado poderá ser o de um boneco subindo uma escada.

Como falamos no início desse artigo, lembre-se que o que está em cima é como aquilo que está embaixo. Assim, o que for utilizado por você será a representação no microcosmos do seu ritual daquilo que você deseja alcançar. Pesquise e solte a criatividade!

Passo 4 – escolhendo o momento certo

Se você costuma estudar sobre feitiços, sabe que cada dia da semana tem seu poder, assim como cada fase da lua é favorável para um tipo de objetivo. Assim, a definição do dia e horário é muito importante e fará toda a diferença para que o seu ritual tenha efeito.

Sente, estude quais são os dias e horários mais propícios para o tipo de ritual que você deseja fazer. Caso você vá invocar alguma entidade, veja qual é o dia da semana desse orixá ou santo.

Você também pode identificar um momento ideal consultando as fases da lua no calendário e as horas planetárias na tabela das correspondências planetárias.

Por exemplo, os rituais de bruxaria para banimento, purificação e limpeza dão melhores resultados quando feitos na lua minguante, sendo que os 3 últimos dias antes da lua nova são os mais indicados.

Já a lua crescente é perfeita para fazer feitiços construtivos, como energização de amuletos e talismãs e consagração de objetos mágicos. A lua cheia é famosa por potencializar as magias de amor.

Em relação aos planetas, os dias e horas de Saturno, por exemplo, são especialmente fortes para rituais de banimento por causa do poder de extermínio desse planeta.

Realizando essa análise e planejamento, você consegue aproveitar as correntes naturais do universo para trabalhar ao seu favor. Quanto mais favorável for o momento, mais poderosa será a magia.

Passo 5 – Limpeza do ambiente e do seu corpo

O quinto passo de como fazer um ritual é livrar você e o ambiente de energias negativas. Esse banimento irá tirar tanto as energias externas a você que não são compatíveis com os objetivos do seu ritual quanto as suas próprias energias negativas internas. Você irá se livrar de barreiras dogmáticas e padrões de pensamento e vibração que não condizem com o que você deseja alcançar.

Para a limpeza espiritual do ambiente, você pode usar materiais como o anil ou o sal grosso. Veja algumas formas de limpar o ambiente.

Já para a limpeza do seu corpo, o ideal é preparar um banho de limpeza e energização. Pode ser um tradicional banho de sal grosso ou um banho de ervas. Confira alguns banhos para limpeza espiritual.

Mas atenção, só realize o banho de limpeza se você estiver se sentindo cansado e exausto. Caso esteja se sentindo bem e com a energia lá em cima, não será preciso fazer essa limpeza. Qualquer interferência energética agressiva sem necessidade pode atrapalhar mais do que ajudar. Neste caso, prepare apenas um banho de equilíbrio.

Passo 6 – abrir o círculo mágico

Depois de realizar toda essa limpeza e energização, chegou a hora de preparar o ritual. Ao chegar no local escolhido, faça a sua oração pessoal em voz alta. A vibração do som das nossas palavras tem forte influência na realização de nossas vontades.

Invoque o poder dos quatro elementos e do espírito, peça ajuda a seus orixás, deuses ou santos. Como dissemos, não importa a religião, o importante é que você se sinta rodeado e protegido pelas energias divinas. Tente elevar seu espírito e se sinta como parte de um todo transcendental.

Posteriormente, abra o círculo mágico. Esse passo não é obrigatório em alguns rituais. Ele é mais usado quando o ritual envolve mais de uma pessoa ou quando é necessário delimitar o espaço de influência da magia.

Caso seja necessário abrir o círculo no seu ritual, você pode fazê-lo movimentando-se em sentido horário em torno da área de trabalho, pode ser dançando ou cantando.

Esse círculo delimita as zonas dos estados de consciência. Dentro desse círculo, nada irá te atrapalhar ou te desconcentrar. Sua mente permanecerá em camadas mais profundas e você estará protegida de tudo que deve ficar do lado de fora.

Passo 7 – execução do ritual

Após o banimento e delimitação do círculo mágico, é hora de começar o seu ritual. Visualize seu desejo e concentre-se nele. Não precisa ter pressa para lançar o feitiço. Faça na hora que estiver com o espírito elevado.

Quando sentir que é o momento, execute aquilo que você definiu, realizando os movimentos com seus elementos e materiais.

Assim que terminar, faça novamente o banimento do local, retirando as energias em excesso e os espíritos auxiliares.
Também não se esqueça de fechar o círculo mágico. Para isso, ande no sentido anti-horário.

Quer se aprimorar na arte de criar poderosos rituais? Faça o curso Criando o seu Ritual. Nele, você aprenderá conceitos básicos de magia, fontes de energia mágica, a ética necessária para lançar um feitiço, como estruturar seus rituais, entre outros.

 

Especialistas online

Luca tarólogo

Luca tarólogo

Tarot,baralho cigano,terapeuta

93% Avaliações positivas

6991 Consultas

R$ 30,00por 15 min*

* Valor promocional válido somente na primeira consulta
Alexandrita oraculista

Alexandrita oraculista

Magias com cristais,tarot,mediunidade

99% Avaliações positivas

3050 Consultas

R$ 30,00por 15 min*

* Valor promocional válido somente na primeira consulta
Cabalista jocanz

Cabalista jocanz

Números grabovoi,numerologia cabalistica,tarot dos anjos

100% Avaliações positivas

1704 Consultas

De R$ 4,49/minPor R$ 3,99/min*

* Valor promocional válido somente na primeira consulta
Thality tarologa

Thality tarologa

Tarot,mediunidade,especialista em casos amorosos

97% Avaliações positivas

927 Consultas

R$ 50,00por 20 min*

* Valor promocional válido somente na primeira consulta

Comentários

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *