Entenda o que significa a Roda do Ano Wicca

Roda do Ano Wicca
912

Certamente você já percebeu que cada religião ou filosofia tem suas comemorações específicas, o mesmo acontece com a Roda do Ano Wicca.

Geralmente ligada à bruxaria e cultura Celta, ela marca eventos específicos ligados à natureza. Porém, comemorá-los ou não, depende da vertente que a pessoa segue.

Então, vamos aprender o que significa a Roda do Ano Wicca e que datas ela marca.

Como funciona a Roda do Ano Wicca?

Anteriormente vimos que a Roda do Ano Wicca marca eventos específicos que acontecem ao longo do ano, e geralmente, eles estão ligados aos ciclos da natureza.

Contudo, antes de falarmos sobre tais eventos, é importante ressaltar que podem haver divergências entre a Roda do Ano no hemisfério Sul (Roda Sul Wicca) e no hemisfério Norte (Roda Norte Wicca). Isso porque alguns eventos não acontecem ao mesmo tempo nos dois hemisférios.

Por exemplo, no hemisfério Sul, a celebração da Primavera acontece no mês de setembro. Já no hemisfério Norte, acontece em março.

Mas mesmo no hemisfério Sul, existem pessoas que fazem suas celebrações de acordo com a Roda Norte, por se tratar da região de origem dessas datas.

Que eventos a Roda do Ano celebra?

Ao todo existem 21 eventos celebrados pela Roda do Ano Wicca. São 12 Esbats e 8 Sabbats, cada um deles ligados a um ciclo da Lua ou do Sol.

Sendo assim, vamos ver o que significa um Sabbat e um Esbat.

Os Esbats

Nas religiões e filosofias com base celta, a Lua é conhecida como ‘A Deusa’ por causa de sua energia ligada ao feminino. E é a partir de seus ciclos que são comemorados os Esbats.

Geralmente acontecem na Lua Cheia, e é um período em que as pessoas:

  • buscam se conectar com a energia da Lua;
  • fazem magias;
  • celebram a energia feminina;
  • fazem rituais de cura ou adivinhação.

E se acaso você também busca por conhecer mais sobre seu futuro, as Runas podem tirar todas as suas dúvidas. Converse com nossos especialistas e saiba o que te espera para o futuro!

Os Sabbats

Anteriormente já vimos quantos Sabbats existem, 8. Porém, ao contrário dos Esbats, eles são comemorados a partir dos ciclos do Sol (O Deus), ligados principalmente às 4 estações.

Além disso, os Sabbats são as celebrações mais importantes da Roda do Ano Wicca

Mesmo assim, algumas pessoas os dividem em:

  • Sabbats Maiores: celebrações mais simbólicas, que marcam colheita, amor e honra aos ancestrais (Imbolc, Beltane, Lammas e Samhain);
  • Sabbats Menores: celebrações que marcam a troca das estações (Yule, Ostara, Litha e Mabon).

Então, agora nós vamos conhecer cada um dos Sabbats da Roda Sul Wicca e como eles são comemorados.

Roda do Ano Wicca: Yule, o nascimento

Comemorado entre 21 e 23 de junho de acordo com a Roda Sul Wicca e entre 21 e 23 de dezembro na Roda Norte Wicca, o Yule é celebrado no Solstício de Inverno.

Nessa data é comemorado o nascimento do Deus (Sol), pois é quando ele está ‘menor’, porém, não importa quão frio esteja, ele vai retornar, trazendo o calor e a luz.

Geralmente esse é um período onde as pessoas fazem rituais de:

  • renovação;
  • proteção;
  • meditação e reflexão.

Além disso, elas costumam enfeitar suas casas e trocar presentes durante os banquetes e festas dessa data.

Mas não é só durante o Yule que você pode se proteger das energias negativas. Fale com nossos especialistas em simpatia e saiba como proteger a si mesma e o seu lar!

Imbolc, a inspiração

Comemorado entre o Verão e a Primavera, Imbolc na Roda do Ano Wicca representa a volta do calor ainda no inverno. Período onde as plantas começam a germinar e a Terra começa a se preparar para a chegada da Primavera. 

A celebração desse Sabbat acontece em 1 de agosto na Roda Sul e 2 de fevereiro na Roda Norte. E durante esse período as pessoas costumam:

  • fazer rituais de fogo, representando o retorno do Sol;
  • homenagens à deusa Brígida (deusa da poesia, cura e metalurgia);
  • rituais de limpeza e purificação.

Roda do Ano Wicca: Ostara, o crescimento

Comemorado no Equinócio de Primavera, Ostara acontece entre 21 e 23 de setembro na Roda Sul e 21 e 23 de março na Roda Norte.

Durante esse Sabbat é comemorado o retorno do Sol e a fertilidade da Terra, ou seja, é hora de plantar as sementes para que possam trazer belos frutos.

Além disso, no hemisfério Norte, esse período está muito perto da Páscoa, e por isso muitos de seus rituais envolvem ovos (símbolo da Fertilidade)

Da mesma forma, também eram realizados:

  • homenagens à deusa Eostre;
  • atividades ao ar livre;
  • rituais de equilíbrio.

Porém existem outras maneiras de alcançar o equilíbrio além dos rituais, e é com as cartas de Tarot. Converse com nossos especialistas e descubra como as cartas te ajudam em seu crescimento e equilíbrio!

Beltane, o florescer

Comemorado pouco depois do equinócio de Primavera, o festival de Beltane costuma acontecer  no dia 31 de outubro na Roda Sul e 1 de maio na Roda Norte. Assim, essa é a festa onde as pessoas comemoram:

  • amor;
  • vitalidade;
  • união.

É nesse momento em que a Primavera está em seu ápice, e o calor do Sol favorece o crescimento e florescimento do que foi plantado. 

Litha, o esplendor

Celebrado durante o Solstício de Verão, Litha, ou Midsummer, é o período em que a Terra ‘engravida’. Ou seja, a Terra está cheia de vitalidade e fertilidade, e seus frutos começam a ser vistos.

As comemorações desse Sabbat acontecem entre 21 e 23 de dezembro na Roda Sul, e 21 e 23 de julho na Roda Norte. E sua celebração envolve:

  • banquetes;
  • rituais de cura, gratidão e purificação;
  • homenagens ao deus Sol.

Roda do Ano Wicca: Lammas, a colheita

Também conhecido como Lughnasadh, esse Sabbat é comemorado em 2 de fevereiro na Roda Sul Wicca e 1 de agosto na Roda Norte, e celebra a primeira colheita.

Sendo assim, grande parte dos rituais de celebração do Lammas envolve a gratidão pelos frutos da colheita e tudo o que foi aprendido até então. Além disso também são feitos:

Mabon, a gratidão

Já no final da colheita temos Mabon, que é marcado pelo Equinócio de Outono e celebrado entre 21 e 23 de março na Roda Sul e 21 e 23 de setembro na Roda Norte.

Assim, esse período marca uma época de gratidão e realização de que nossos esforços são sempre recompensados pelo Universo. Então para celebrar esse Sabbat as pessoas costumam:

  • fazer rituais de gratidão;
  • caminhar ao ar livre para se conectar com a natureza;
  • fazer rituais de proteção para o período que virá (Inverno).

Samhain, a morte

Apesar do nome, Samhain não é sobre a morte, e sim sobre o fim de um ciclo. Para ser mais precisa, o fim do ano Celta. E é comemorado no dia 1 de maio na Roda Sul e 31 de outubro na Roda Norte.

Então, para celebrar esse período de introspecção e reflexão, as pessoas costumam:

  • homenagens aos seus ancestrais;
  • rituais de adivinhação e proteção;
  • homenagens à deusa da morte (reconhecendo o ciclo da vida, morte e renascimento).

Além disso, elas também fazem banquetes com fogueiras, para representar a luz na escuridão.

Enfim, agora que você já conhece as principais celebrações da Roda do Ano Wicca e suas energias, pode aproveitar para fazer seus próprios rituais. Com isso, você se conecta com os ciclos da natureza e consegue recolher os frutos de seus esforços com facilidade.

Até a próxima!

Especialistas online