Eventos astrológicos de 2019 | Prepare-se para novas mudanças

Eventos astrológicos 2019

Durante todo o ano, na Via Láctea, planetas e corpos celestes do Sistema Solar permanecem em constante movimento. Esta movimentação exerce diversas influências em cada signo do zodíaco. Cada vez que um astro passa pelo seu signo, ele influencia o seu dia a dia e até mesmo a ordem das energias do nosso planeta, agindo no coletivo da humanidade. Em 2019, acontecerão diversos eventos astrológicos que, além de interferirem na nossa rotina, podem ser um espetáculo lindo de se assistir. Entenda melhor cada um deles!

Era de Aquário

A era astrológica vigente, assim como o grande ciclo planetário e o planeta regente do ano, nos dizem um pouco de como será o ano de 2019. Para nós, brasileiros, trata-se de um ano decisivo na política e na economia.

Estamos na era astrológica de Aquário, que teve início em 2017, e deve terminar daqui a dois mil anos. Isso significa que a energia aquariana está se manifestando em nós e assim deve ser pelos próximos dois milênios!

É uma era mais propícia a grandes mudanças, mais aberta à paz e à harmonia. Será um período marcado pela comunicação e avanço na ciência e da tecnologia.

Grande Ciclo de Saturno

Estamos ainda no ciclo astrológico de Saturno. A cada 36 anos, as posições dos planetas mudam, irradiando novas energias sobre a Terra. Isso é conhecido como o Grande Ciclo e, apesar de ter suas próprias energias, é influenciado pela era astrológica em muitos aspectos.

Saturno começou seu ciclo em 2017 e deve perdurar até 2.052. Suas principais características são a severidade, os limites e a cobrança, exigindo mais responsabilidade e comprometimento. Por outro lado, ele também traz grandes transformadoras e lições para a humanidade.

Haverá, em 2019, uma grande renovação, o começo da construção de uma nova realidade para nós.

Planeta regente Marte

Em 2019, o planeta regente será Marte. É sabido que os nomes dos planetas eram colocados em homenagens aos deuses da mitologia, e Marte era o Deus romano da Guerra, tanto que sua cor vermelha era associada a batalhas sangrentas. As características dessa regência são força, iniciativa e coragem.

O que devemos esperar com a Era de Aquário, ciclo de Saturno e o planeta regente Marte?
Com certeza 2019 será um ano de mudanças e de renovação para toda a humanidade, em especial para nós brasileiros.

Devemos esperar um período de muitas lutas e grandes ações, culminando em mais equilíbrio e busca de paz. O tão sonhado começo de uma era nova terá início em 2019.

As influências do calendário lunar em 2019

A influência da lua em nossas vidas vai muito além das mudanças de maré. Ela pode influenciar em vários aspectos astrológicos e em nós como indivíduos e como coletividade, renovando as nossas energias e trazendo coisas boas.

Lua nova

As luas novas em 2019 trarão a obrigatoriedade de tomada de decisões e de mais engajamento em atividades coletivas.

Elas também deverão influenciar nas questões financeiras de maneira positiva e nas questões de amizade e de amor de maneira negativa. O caminho é  procurar equilíbrio e compreensão das coisas.

Em 2019 teremos lua nova nas seguintes datas:

05 de janeiro, a partir das 23:29 horas.
04 de fevereiro, a partir das 19:04 horas.
06 de março, a partir das 13:05 horas.
05 de abril, a partir das 5:52 horas.
04 de maio, a partir das 19:47 horas.
03 de junho, a partir das 7:02 horas.
02 de julho, a partir das 16:17 horas.
01 de agosto, a partir das 00:12 horas.
30 de agosto, a partir das 7:38 horas.
28 de setembro, a partir das 15:27 horas.
28 de outubro, a partir das 1:40 horas.
26 de novembro, a partir das 13:07 horas.
26 de dezembro, a partir das 3:15 horas.

Lua Crescente

A lua crescente trará positividade, impulsionando meios para que haja tomadas de decisões favoráveis ao momento, principalmente em ocasiões de dúvidas. Serão períodos de reflexão, de procura interior.

As energias da lua crescente serão favoráveis àqueles que procuram um novo amor ou que estarão em desacordo em suas relações.

Em 2019, teremos lua crescente nas seguintes datas:

14 de janeiro, a partir das 4:46 horas.
12 de fevereiro, a partir das 20:26 horas.
14 de março, a partir das 7:26 horas.
12 de abril, a partir das 16:06 horas.
11 de maio, a partir das 22:13 horas.
10 de junho, a partir das 3:00 horas.
09 de julho, a partir das 7:56 horas.
07 de agosto, a partir das 14:32 horas.
06 de setembro , a partir das 00:11 horas.
05 de outubro, a partir das 13:48 horas.
04 de novembro, a partir das 8:23 horas.
04 de dezembro, a partir das 4:58 horas.

Lua Cheia

A lua cheia será propícia aos apaixonados e aos românticos, assim como esses serão ótimos ciclos para novos negócios e empreitadas.

Mas cuidado para que não haja decisões baseadas apenas na impulsividade que esta lua causa. É preciso pensar se realmente há a necessidade de tomadas de decisões em certos momentos.

Em 2019 teremos lua cheia nas seguintes datas:

21 de janeiro, a partir das 3:17 horas.
19 de fevereiro, a partir das 12:53 horas.
20 de março, a partir das 22:43 horas.
19 de abril, a partir das 8:12 horas.
18 de maio, a partir das 18:11 horas.
17 de junho, a partir das 5:31 horas.
16 de julho, a partir das 18:39 horas.
15 de agosto, a partir das 9:31 horas.
14 de setembro , a partir das 1:35 horas.
13 de outubro, a partir das 18:10 horas.
12 de novembro, a partir das 11:37 horas.
12 de dezembro, a partir das 3:14 horas.

Lua Minguante

As energias da lua minguante fecham o ciclo lunar com desligamentos, ausências e incômodos, tanto no plano físico como psicológico. É uma fase de profunda reflexão e, às vezes, tristeza. É necessário cuidar mais da saúde nestes períodos.

Também é um tempo de tomadas de decisões a longo prazo, coisas duradouras. Relacionamentos longos começarão em período de lua minguante, principalmente em seu final de ciclo.

Em 2019 teremos lua minguante nas seguintes datas:

27 de janeiro, a partir das 19:02 horas.
26 de fevereiro, a partir das 8:29 horas.
28 de março, a partir das 11:11 horas.
26 de abril, a partir das 19:19 horas.
26 de maio, a partir das 13:34 horas.
25 de junho, a partir das 6:48 horas.
24 de julho, a partir das 22:20 horas.
23 de agosto, a partir das 11:50 horas.
21 de setembro , a partir das 23:43 horas.
21 de outubro, a partir das 10:41 horas.
19 de novembro, a partir das 19:13 horas.
19 de dezembro, a partir das 2:59 horas.

Conjunção de Saturno com o Sol

Além de estarmos no grande ciclo de Saturno, há ainda outros eventos gerados por este grande astro.

Dia 2 de janeiro de 2019, Saturno estará em conjunção com o Sol, o que significa que será um período de leve turbulência, pois há muita tensão entre esses dois astros. Essa conjunção está relacionada à criatividade, autoridade e poder, bem como à baixa criatividade e insubordinação às regras.

Isso significa dizer que teremos um começo de ano um pouco turbulento para a coletividade, mas, com o passar dos dias, chegaremos a um final de ano com mais harmonia e paz.

Aos poucos teremos grandes progressos. Em dezembro, quando alcançarmos a conjunção de Júpiter com o Sol, poderemos ter um período de grande estabilidade emocional.Com bases nessas informações, fica mais fácil planejar como será seu ano, não é mesmo? Fique de olho nas datas em que cada lua estará reinando e em como esse evento astrológico pode beneficiar a sua vida.

Os eventos astrológicos mais importantes de 2019

O primeiro semestre

3 de janeiro, 4 – Quadrantids Chuva de Meteoros: Os Quadrantids são uma chuva acima da média, com até 40 meteoros por hora no pico. Essa chuva geralmente tem picos em 3 e 4 de janeiro, mas alguns meteoros podem ser visíveis a partir de 1 a 5 de janeiro. A lua crescente não deve impedir a visibilidade deste ano. A  melhor visualização poderá ser em um local escuro após a meia-noite.

6 de janeiro – Eclipse Solar Parcial: Este eclipse infelizmente não será visível no Brasil. O eclipse parcial poderá ser visto em algumas partes da Ásia oriental e do norte do Oceano Pacífico.

21 de janeiro – Eclipse Lunar Total: O eclipse lunar poderá ser visto em quase toda a América do Norte, América do Sul, a leste do Oceano Pacífico, Oceano Atlântico ocidental, ocidental extremo da Europa e oeste da extrema África.

20 de março – Março Equinócio: O equinócio de março ocorre às 21:58 UTC. O Sol brilha diretamente sobre o Equador e, neste dia, as quantidades de tempo são quase iguais de dia e noite em todo o mundo. Este é também o primeiro dia da primavera (equinócio vernal) no hemisfério norte e o primeiro dia de outono (equinócio de outono) no hemisfério sul.

21 de abril, 22 – Lyrids Chuva de Meteoros: Os Lyrids são uma chuva média, que produz cerca de 20 meteoros por hora em seu pico. Podendo gerar trilhas de poeira brilhantes que duram vários segundos. A chuva atinge o auge em 21 de abril e 22, embora alguns meteoros possam ser visíveis a partir de 16 a 25 de abril. A lua minguante pode ser um problema este ano, escondendo todo o fenômeno, porém os meteoros mais brilhantes  talvez prevaleçam com o seu brilho. Procure por eles na constelação de Lyra depois da meia-noite.

5 de maio, 6 – Chuva de Meteoros Eta Aquarids: Os Aquarids Eta são um banho de luz, geralmente produzindo cerca de 10 meteoros por hora em seu pico. Seu pico geralmente ocorre em 5 e 6 de de maio, porém poderá também ser visto bem em qualquer manhã de 4 a 7 de maio. O ponto radiante para esta chuva estará na constelação de Aquário. Uma fina lua crescente poderá aparecer no início da noite, deixando o céu escuro para a aparição deste ano. A melhor visibilidade geralmente acontece na direção leste após a meia-noite, longe das luzes da cidade.

10 de junho – Júpiter em oposição: O planeta gigante vai ter a sua maior aproximação à Terra e sua face será totalmente iluminada pelo Sol. Esta é a melhor hora para ver e fotografar Júpiter e suas luas.

21 de junho – Solstício de Junho: O solstício de junho acontece às 15:54 UTC. O Pólo Norte da Terra estará inclinado em direção ao Sol, que terá atingido a sua posição mais ao norte no céu e estará diretamente sobre o Trópico de Câncer em 23.44 graus de latitude norte. Este é o primeiro dia do verão (solstício de verão) no hemisfério norte e o primeiro dia do inverno (solstício de inverno) no hemisfério sul.

Segundo semestre

2 de julho – Eclipse solar total: O eclipse total só será visível em algumas partes do sul do Oceano Pacífico, no Chile central, e Argentina central. Um eclipse parcial será visível em muitas partes do sul do Oceano Pacífico do Sul e oeste da América.

9 de julho – Saturno em oposição: O planeta dos anéis fará a sua maior aproximação à Terra e terá a sua face será totalmente iluminada pelo Sol. Esta é a melhor hora para ver e fotografar Saturno e suas luas.

16 de julho – Eclipse Lunar Parcial: O eclipse será visível em quase toda a Europa, África, Ásia central, e no Oceano Índico.

28 de Julho, 29 – Southern Delta Chuva de Meteoros Aquarids: Os Aquarids Delta pode produzir cerca de 20 meteoros por hora em seu pico. O chuveiro atinge o auge em 28 e 29 de julho, mas alguns meteoros também podem ser vistos de 18 julho a 18 agosto. O ponto radiante para este fenômeno estará na constelação de Aquário. A lua crescente não deve ser um problema para a visibilidade deste ano. A melhor visibilidade acontece para o leste após a meia-noite em um local escuro.

12 de agosto de 13 – Perseidas: chuva de meteoros Perseidas As é uma das melhores chuvas de meteoros para observar, produzindo até 60 meteoros por hora em seu pico. O pico da chuva geralmente ocorre em 13 e 14 de agosto, mas você pode conseguir ver alguns meteoros a qualquer momento de 23 julho a 22 agosto. O ponto alto para esta chuva será na constelação de Perseu. A lua crescente pode esconder alguns dos meteoros menos brilhantes este ano, mas com até 60 meteoros por hora, este ainda pode ser um lindo espetáculo para se ver. Encontre um local longe das luzes da cidade e olhe para o nordeste depois da meia-noite.

9 de setembro – Netuno em oposição: O planeta azul vai ter a sua maior aproximação à Terra. Esta é a melhor hora para ver Netuno, embora ela só se mostre como um pequeno ponto azul até mesmo nos mais potentes telescópios.

23 de setembro – Setembro Equinócio: O equinócio de Setembro ocorre às 07:50 UTC. O Sol vai brilhar diretamente sobre o Equador e haverá quantidades quase iguais de dia e noite em todo o mundo. Este é também o primeiro dia de outono (equinócio de outono) no hemisfério norte e o primeiro dia da primavera (equinócio vernal) no hemisfério sul.

21 de outubro de 22 – Orionids Chuva de Meteoros: Os Orionids é uma chuva média, que produz cerca de 20 meteoros por hora em seu pico. Esta chuva geralmente tem seu pico no dia 21, mas é bastante irregular. O espetáculo pode acontecer em qualquer manhã de outubro do dia 20 a 24, e alguns meteoros podem ser visto a qualquer momento de  17 a 25 outubro. A lua minguante pode ofuscar os meteoros menos brilhantes este ano, mas os mais brilhantes provavelmente continuarão visíveis. A melhor visibilidade será em direção ao leste após a meia-noite. Tente encontrar um local escuro longe das luzes da cidade.

27 de outubro – Urano em Oposição: O planeta azul-verde será a sua maior aproximação à Terra e seu rosto será totalmente iluminada pelo sol. Esta é a melhor hora para ver Urano. Devido à sua distância, ela só vai aparecer como um ponto azul-verde pequeno em tudo, mas os mais potentes telescópios.

11 de novembro – Passagem de Mercúrio pelo Sol: O planeta Mercúrio passará diretamente entre a Terra e o Sol. Somente quem estiver com telescópios e filtros solares adequados será capaz de observar o disco escuro do planeta Mercúrio em movimento em toda a face do sol. Este evento raro ocorre apenas uma vez a cada poucos anos.

17 de novembro, 18 – Leónidas Chuva de Meteoros: As Leónidas é uma das chuvas de meteoros que melhor poderá ser vista, produzindo uma média de 40 meteoros por hora em seu pico. A chuva em si tem um ano de pico cíclico a cada 33 anos, em que centenas de meteoros podem ser vistos a cada hora. A última delas ocorreu em 2001.

A chuva atinge o seu auge em 17 e 18 de novembro, mas você pode ver alguns meteoros entre 13 e 20 de novembro. A Lua poderá encobrir alguns dos meteoros mais fracos este ano, mas com 40 ou mais por hora, ainda assim este poderá ser um lindo espetáculo. Assista ao surgimento da chuva a partir da constelação de Leão após a meia noite.

13 de dezembro de 14 – Geminids Chuva de Meteoros: Considerada por muitos como a melhor chuva de meteoros nos céus, os Geminids são conhecidos pela produção de até 60 meteoros multicoloridos por hora em seu pico.

O auge da chuva ocorre geralmente em torno de 13 e 14 de dezembro, embora alguns meteoros possam ser visíveis a partir de 6 dezembro. O ponto mais radiante para esta chuva estará na constelação de Gêmeos. A Lua quase cheia certamente vai atrapalhar e este talvez não seja um dos melhores espetáculos. Entretanto, com tantos meteoros, ainda assim vai valer a pena conferir. A melhor visualização geralmente é para o leste após a meia-noite em um local escuro.

22 de dezembro – Solstício de Dezembro: O solstício de dezembro ocorre às 04:19 UTC. O Pólo Sul da Terra vai estar inclinado em direção ao Sol, que terá atingido a sua posição mais austral do céu e estará diretamente sobre o Trópico de Capricórnio em 23.44 graus de latitude sul. Este é o primeiro dia do inverno (solstício de inverno) no hemisfério norte e o primeiro dia do verão (solstício de verão) no hemisfério sul.

26 de dezembro – Eclipse Solar anular: Seu começará na Arábia Saudita e passará a leste pelo sul da Índia, norte do Sri Lanka, partes do Oceano Índico, e na Indonésia antes de chegar no Oceano Pacífico. Um eclipse parcial será visível em quase toda a Ásia e norte da Austrália. Agora que você já sabe quais são os eventos astrológicos de 2019, conheça também:

Receba os melhores conteúdos esotéricos gratuitamente

Obrigada! Vamos te enviar os melhores conteúdos do Astrocentro para te ajudar emocional e espiritualmente.

Receba nossos conteúdos esotéricos

Obrigada!

Logo Astrocentro

Especialistas online

Zelei Egípcia

baralho cigano terapeuta floral reiki

85% Avaliações Positivas

212 Consultas

R$30 por 15min.

CONSULTAR AGORA

Henry Tarólogo

Tarólogo, Terapeuta Holístico

98% Avaliações Positivas

283 Consultas

R$30 por 15min.

CONSULTAR AGORA

Tarologa Samara

Terapeuta, Numeróloga, Taróloga

92% Avaliações Positivas

3464 Consultas

R$30 por 15min.

CONSULTAR AGORA

Tarologa Samara

Terapeuta, Numeróloga, Taróloga

92% Avaliações Positivas

3464 Consultas

R$30 por 15min.

CONSULTAR AGORA

Comentários

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *