Por que não pode comer carne na Sexta-feira Santa?

Muita gente pergunta por que não pode comer carne na Sexta-feira Santa, mas, mesmo sem saber o motivo, segue o hábito aprendido na infância. A Igreja Católica recomenda essa privação como forma de lembrar o sacrifício que Jesus fez, morrendo na Cruz para nos salvar.

Abster-se de carne e jejuar na sexta-feira é uma prática plurissecular da Igreja e tem argumentos fortes em seu favor. O primeiro deles é que todos os cristãos precisam levar uma vida de ascese (renúncia a algum prazer para alcançar a perfeição espiritual). Esta é uma regra básica da espiritualidade cristã.

O Código de Direito Canônico (livro que rege as regras da Igreja), recomenda que a abstinência de carne deva ser feita em todas as sextas feiras do ano, que também deve ser acompanhada pelo jejum e estudo da Bíblia, e não apenas na Sexta-feira Santa. Porém, com o tempo essa referência caiu em desuso. As crianças, os idosos e as pessoas doentes são isentas desse sacrifício.

Afinal, por que não pode comer carne na Sexta-feira Santa?

Hoje em dia, a Igreja não fala mais sobre “obrigação ou proibição”, apenas faz uma “recomendação” de se fazer jejum e não comer carne na quarta-feira de cinzas e na sexta-feira da Paixão. Você também pode escolher outro sacrifício que demonstre sua disposição em abrir mão de algo do seu cotidiano para mostrar a Jesus Cristo sua gratidão pelo grande sacrifício que Ele fez para nos salvar dos pecados do mundo.

Se você se pergunta por que não pode comer carne na Sexta-feira Santa, saiba que o Catecismo da Igreja Católica vê o jejum e a abstinência da carne como uma “virtude moral que modera a atração pelos prazeres e procura o equilíbrio no uso dos bens criados”. Essa prática “assegura o domínio da vontade sobre os instintos e mantém os desejos dentro dos limites da honestidade”.

A CNBB, Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, afirma que o fiel católico brasileiro pode substituir a abstinência da carne por uma obra de caridade, um ato de piedade ou ainda substituir a carne por outro alimento. Muitos católicos se abstêm da carne todas as quartas e sextas feiras durante a Quaresma (período de 40 dias que antecedem a Páscoa), mas essa prática não é mais tão comum quanto antigamente.

A questão vai além de por que não pode comer carne na Sexta-feira Santa. Não podemos esquecer que, para respeitar o sacrifício de Jesus Cristo descrito na Bíblia, não devemos causar sofrimento a quem quer que seja. Seu ensinamento é Amar uns aos outros como Ele nos amou. A Páscoa é uma festa em que reina a harmonia, a esperança e a união, por isso, pense em fazer algo para purificar, entrar em contato com Deus. Seja uma abstinência ou caridade, o importante é celebrar o milagre que é a vida.

Saiba mais:

Especialistas online

Zelei Egípcia

baralho cigano terapeuta floral reiki

83% Avaliações Positivas

195 Consultas

20% de desconto

CONSULTAR AGORA

Henrique Libório

Bruxo e Oraculista

96% Avaliações Positivas

386 Consultas

20% de desconto

CONSULTAR AGORA

Henrique Libório

Bruxo e Oraculista

96% Avaliações Positivas

386 Consultas

20% de desconto

CONSULTAR AGORA

Zelei Egípcia

baralho cigano terapeuta floral reiki

83% Avaliações Positivas

195 Consultas

20% de desconto

CONSULTAR AGORA

Comentários

  • *A questão vai além de por que não pode comer carne na Sexta-feira Santa. Não podemos esquecer que, para respeitar o sacrifício de Jesus Cristo descrito na Bíblia, não devemos causar sofrimento a quem quer que seja.*
    ISSO NÃO VALE PRO PEIXE?

    • Oie, Thiago.

      Não, não vale. A restrição de comer carne não é por ser carne, e sim porque a carne vermelha nos tempos antigos era um artigo luxo e o peixe era mais barato. Sendo assim, é permitido comer peixe.

      Beijos

      • Oie, Diogo.

        O sofrimento é causado para qualquer animal que for usado por humanos como alimento. A grande questão é que a restrição de comer carne não é por ser carne, e sim porque a carne vermelha nos tempos antigos era um artigo luxo e o peixe era mais barato. Sendo assim, é permitido comer peixe.

        Beijos

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *